Ocorreu um erro neste gadget

domingo, 3 de abril de 2011

“eu hei sempre de cantar a ti, o meu amor”

.(não és tu a simples,
..............não és tu aquela que passeia pelos dias
..............e pelas noites, como se as pequeninas coisas
..............não tivessem significados.
..............teu existir resplandece em minha alma
..............e faz com que eu reconheça
..............a felicidade que espia os teus olhos).

..............eu hei de te amar por toda a vida,
........................................serenamente,
........................................e hei de ouvir,
........................................todos os dias,
........................................o teu sorriso espontâneo
........................................e, como aquele
........................................que no desespero sorri,
........................................hei de ser sombra
........................................a seguir teus passos,
........................................que escondida é
........................................partícipe do mesmo enlaço,
........................................não pertencida,
........................................mas cúmplice no teu existir.

........................................como amante,
........................................em delicado esmero,
........................................nesta viagem já escrita
........................................mas sem destino,
..............eu hei de entender a insanidade e os desatinos
..............a cultivar carícias e a polir com o mesmo zelo
..............a presença tão sentida que se faz avenida
..............e a ausência dolorida que se faz apelo.

..............eu hei, amada, consciente de todas as verdades,
..............carregar este fardo que se chama equilíbrio,

(continua no blog)

daufen bach.

RUMOR-humor

Nordestino não é chato, é caningado!
Nordestino não é cheio de frescura, é pantinzeiro!
Nordestino não pula, dá pinote!
Nordestino não arranja briga, arranja intica!
Nordestina não fica grávida, fica buxuda!



Nordestino não fica bravo, fica com a gota serena!
Nordestino não é malandro, é cabra de pêia!
Nordestino não fica apaixonado, ele arrêia os pneus todiinho!.

Um sinal

Tinha sentido, mas eu não sabia o que fazer, ele com seu jeitinho alegre me dizia é pra você, na timidez que me consumia, não via o que fazer,  tinha comigo a certeza , era  aquela paixão  que  passou a me mover, eu a pensar, meu Deus:  o que isso quer dizer! como posso responder? envolvida nesste dilema não respondia por nada, o sinal que recebi fica comigo guardado, quem sabe um dia,  entra nas  minhas contas vou lá e faço o contato. Não deleto, não desisto e não rogo pelo meu pranto,  pois o menino sedutor também sofre desse encanto, o sinal que tenho dele é reliquia é documento,  não será um  desalento viver nesse desencanto.

Oração das Mulheres Resolvidas!

Que o mar vire cerveja e os homens tira gosto, que a fonte nunca seque, e que a nossa sogra nunca se chame Esperança, porque Esperança é a última que morre... Que os nossos homens nunca morram viúvos, e que nosso filhos tenham pais ricos e mães gostosas! Que Deus abençoe os homens bonitos, e os feios se tiver tempo... Deus... Eu vos peço sabedoria para entender um homem, amor para perdoá-lo e paciência pelos seus atos, porque Deus, se eu pedir força, eu bato nele até matá-lo. Um brinde... Aos que temos, aos que tivemos e aos que teremos. Um brinde também aos namorados que nos conquistaram, aos trouxas que nos perderam e aos sortudos que ainda vão nos conhecer! Que sempre sobre, que nunca nos falte, e que a gente dê conta de todos! Amém.
 
Enviado por Edsom/Ileuda

Procura

Na noite bem longe,  perto ficou as marcas de um dia, no meu cantinho, percebi minha ilusão, ventilei explicação, nada me dizia esta noite, conclui que isto é mesmo uma comunão, por fora não via nada, por dentro só via tu, e lá me me vou te procurando, sem um retrato se quer, olhava teus pensamentos, me via por dentro dele, saindo um pouco dali , quem eu via não era tu, era  a memoria que dizia, esse desenho foi inventado por tu. Pinta nas tuas cores e faz o colorido andar, se mexe feito uma duna, e ela te traz na onda teu mar, nesse balanço do mar vou mergulhar, nem que seja na correnteza de um rio, vou um dia te encontrar.

Imposível

Nos teus sonhos embarquei, nos teus braços sonhei ,dormindo sem teu amor acordei, impossivel não te amar, com esse jeitinho manhoso, esse sorriso gostoso, me canso de procurar, o que me diz  teu olhar, doce , meigo e delirante, com  seu molejo manhoso, desapegado do corpo, escorregando com as  palavras, se afirmando no possivel,  foi assim que te encontrei, no caminho do impossivel , foi assim que te amei.