Ocorreu um erro neste gadget

domingo, 28 de setembro de 2014

Pintando o sete

Sem tinta  e sem pincel,
Vou pintar a cor do céu,
Um corpo enroscado na nuvem,
Esperando a lua passar,
E o sol do outro lado,
Tirando minha terra dos pés,
Tudo isso eu vou pintar,
Só para ver a lua passar,
Vai  ver ela para.

Acontece

Como as coisas são do tamanho que agente não imagina,
 Acontece!
Acontece rima no olhar, poesia no sorriso,
Ternura  na menina do olho,
Na face um gesto disfarçado,
Tudo acontece !
Acontece uma paixão pelas coisas,
As coisas sem fala, sem alarde,
Acontece coisas que não se mede,
Acontece coisas a ser medidas,
Medidas que andam ,
Vão lá e vem cá,
Nesse vai e vem as coisas acontecem,
Do tamanho do vento,
Vejo, sinto e não pego pra mim,
Mas sinto; isso acontece.