Ocorreu um erro neste gadget

quarta-feira, 14 de março de 2012

Acolhida

Sou filha do vento,
Do tempo,
Da brisa,
Sou filha da relva,
Da  montanha azul,
Do luar do sertão,
Sou adotiva,
Filha da vida,
Fatias do sol,
Lagrimas da chuva,
Que cai no lençol,
Pingos de vida a meu redor,
São tantas vidas!
Vida de um só,
Assim vivendo,
Vivo tão só!
Uma poesia a meu redor,
O meu alento,
Um sol poente,
Uma poesia a revelia,
Me guia...
POEMATIZE-SE,
A confraria,
Me alivia,
Na poesia estou  acolhida,
 Harmonia.

O caderno

Caderno vermelho,
Rabiscos de tinta azul,
Há muito tempo,
Guardado ficou desbotado,
Borrado o riscado,
Amarelada as idéias,
Nas paginas dobradas,
Da menina adolescente,
Sem saber   o que é poesia,
Atirada...
 Escrevia , escrevia,
Limpava o silencio com  as magoas do dia,
Poesia, poesia,
Onde andas que não és minha,
Ainda te pego ,
Te dobro e emboço,
Te bebo no copo,
Me melo no doce,
Por ti eu me dobro,
Poesia hoje é teu dia,
Derrame alegria,
Na alma vazia,
Encante sua companhia,
Poesia tu contagia.