Ocorreu um erro neste gadget

sábado, 26 de outubro de 2013

Ô vontade!

Ô vontade de dizer,
O que eu quero fazer,
Jà pensou se eu digo,
O que pode acontecer!
Mas eu não digo,
Para o mundo não saber,
Sou eu posso saber,
Um dia, quem sabe.





quinta-feira, 10 de outubro de 2013

O que tu acha?

Brincar de cutucar,
Subir em pé de trapiá,
Escorregar nas dunas,
Se lambuzar na areia,
Se esconder a traz da porta,
Subir em pé de manga,
Se deitar na palmeira,
Isso é coisa de criança,
Que não pensa em malvadeza,
Mas quando a criança cresce,
Cutucar é uma maldade,
Se escondido está,
Fica difícil agente revidar,
E sentir a reação de  cutucar.



terça-feira, 8 de outubro de 2013

Lábios de mel

Se eu soubesse o caminho,







Com o mel dos teus lábios,
Faço da tua boca doce,
Meu acampamento terreno,
Herdeira de muita riqueza,
Com esses lábios fininhos,
E um sorriso de ouro,
Parece  mais um tesouro,
E é por isso que tu rindo,
Seus lábios ficam mais lindo,
E eu fico sempre  fingindo,
Pois a realidade é dura,
Meus pensamentos impuros,
Quanto mais falo mais finjo,
Se eu fosse beija-flor,
Estaria nos teus lábios,
Bicando...bicando,
Sugando teu mel ,
Descobrindo  o caminho do amor.




terça-feira, 1 de outubro de 2013

Docinho!

Criança gosta de balinhas,
De chocolate e  docinhos,
Eu gosto da sua doçura,
Se derretendo todinho,
Meu doce amorzinho!