Ocorreu um erro neste gadget

sexta-feira, 8 de abril de 2011

Cansei

Esperei e não te vi,
Passei a me atormentar,
Por que será ?
Que tua presença  alimenta,
As coisas que vou pensar!
Tu é uma infiltração,
Que passou a me alagar,
O jeito é te procurar,
Te escrever na minha agenda,
Marcar uma programação,
E sair corendo  para te encontrar.

Teu poema em mim

Teu poema me envolvendo
Por dentro se contorcendo, 
Se jogando pelo chão,
Arrebatando do  corpo,
Seu olhar nas ruas nuas!
Feito as ondas do mar,
Se jogando de corpo inteiro,
Se arrastando pela areia,
Assim  te vi me levando,
Minha mais bela flor do mar,
Sinto-me como um sonho,
Numa noite de luar ,
Olhando as estrelas,
Curtindo as ondas do mar,
Te vendo uma imagem a navegar ,
Por dentro de mim,
Como uma estrela do mar.
Me  leva  a levitar,
Nas sutilezas do teu jeito de  amar .