Ocorreu um erro neste gadget

domingo, 18 de agosto de 2013

O zunido do chiado

 Folhas se vão sem barulho,
 E no chiado  de uma,
 Meus ouvidos  te escuta,
 Leve as folhas  que  se foi,
 Me leve no seu ritmo,
 Nessa  ventania doce,
Que libera magia,
Ao passar soprando meus ouvidos,
E como não aprendi lhe controlar,
Vou continuar na espera,
Do  zunido do te chiado.




Nenhum comentário:

Postar um comentário