Ocorreu um erro neste gadget

segunda-feira, 31 de dezembro de 2012

Eu queria ser

Eu queria ser um peixe,
Diante daquela onda imensa,
Que pulava de alegria,
Vindo, vindo devagar,
Só as dunas a contemplar,
De repente se escondia,
Na areia a navegar,
Tchau para cada granito,
Que parece desmanchar,
E de novo mergulhava,
Lá por dentro refinada,
Dançava ao  ver as ondas balançar,
Lá no fundo  bem molhada,
A té outra onda voltar,
Leve  solta a me levar,
No balaço do mar,
Lindo véu a merejá,
Com o vento devagar,
Os pés de Iemanjá,
Jamais  deixaria me afogar,
Lindo é o verde mar,
Quero a sua proteção,
Meu mestre mar,
Eu quero que você me leve,
Naquele abraço da onda,
Que se entrelaça no ar,
Se esparrama suave...
Coisa linda é amar.
É por isto que o mar,
Tem folego a desafiar,
O peixinho que no mar,
Vai viver e se superar,
Mesmo que seja lá no fundo,
Ele volta a respirar.
Lindo peixe  quero ser,
Sem saber nadar...,
Mas aprendo a pular,
E devagar chego lá
Nem vou dizer o caminho,
Fique aí a me esperar...
2012 diga o que vai me deixar,
Eu quero 2013 cheio de movimento,
Eterno como o azul do mar,
Entre o céu e as estrelas,
È lindo de admirar.,
A lua sorrindo para você,
Vendo o vento soprar,
Meu mar.










Nenhum comentário:

Postar um comentário