Ocorreu um erro neste gadget

terça-feira, 25 de setembro de 2012

Insinuante

O silencio da palavra,
Contagia e irradia,
Com a força da energia,
Orquestra da sabedoria,
Sua voz quando eu ouvia,
Mesmo sem som seduzia,
Seu sorriso éra a magia,
Que  de longe confundia,
Misturava sedução ,
Com simpatia e alegria,
E lá  vem a lua nascendo,
Por dentro de um lindo castelo,
Como cenas de novela,
Uma moça na janela,
Insinuante e bela,
Acenando com um lenço,
Dizendo não me convenço,
Aquele principe,
É   uma perola,
Ficarei aqui na espera,
Gritando no meu silencio,
Vem cá , sou eu!!!.

 








Nenhum comentário:

Postar um comentário