Ocorreu um erro neste gadget

sexta-feira, 4 de novembro de 2011

Belo

 O poeta do amor, é belo como uma flor, escreve com o coraçao, lindas mensagems,  proprias de um condor,  uma  poesia  de pele, que soa com muito vapor, cada uma com uma jeitinho especial,  ele sabe como  poetar, encanta  todo pensar, começo a dmirar ,dedilhar e inventar, sem as letras arrunar,  chego a te reverenciar, como faço  com as arvores, que passei a plantar na frente da minha casa, o bom de tudo são os  frutos, que servem para alimentar, seja madura a fruta, ou verde a saborear, o bom mesmo é degustar, um JAMBO maduro. Delicia vou te mostrar!

Nenhum comentário:

Postar um comentário